Avançar para o conteúdo
Home Office

Home Office: como melhorar a produtividade trabalhando em casa

Devido à pandemia que estamos a atravessar, para a melhor segurança de todos, o trabalho remoto (home office) tem vindo a ser adotado por uma grande maioria das empresas.

O trabalho a partir de casa é uma maneira de o profissional realizar as suas tarefas fora do ambiente corporativo, o que o nosso cérebro pode vir a estranhar o novo contexto.

Entretanto, antes de implementarem o teletrabalho, é muito importante que as empresas tenham conhecimento sobre a infraestrutura necessária para a realização das atividades remotamente.

Este novo meio de trabalho, pode trazer diversos benefícios para a empresa e os colaboradores. Um dos benefícios que o trabalho em casa traz para as empresas é a produtividade.

Entretanto, é para realizar o trabalho home office, é preciso ter em conta alguns fatores e medidas que se devem tomar para sua maior eficácia, tanto para os trabalhadores, quanto para as empresas. Exatamente isso que vamos discutir no próximo tópico.

Regras para um bom home office

Home Office

É bastante importante que o trabalhador tome algumas medidas para o trabalho funcionar e recompensar desta forma.

Antes da pandemia, as pessoas estavam habituadas a uma rotina que repentinamente veio a mudar muito com a adoção do teletrabalho como medida permanete. Por exemplo acordar, tomar o pequeno-almoço, vestir-se, lavar os dentes antes de sair de casa e a deslocação até ao posto de trabalho.

Com o home office, alguns hábitos mudam, mas é bastante importante que acordemos um tempo antes de começar o trabalho para estarmos bem despertos e o nosso cérebro “entender” o trabalho em casa.

Além disso, é muito importante trabalharmos num espaço sossegado em casa, com uma boa luz e confortável, onde devemos de ter auxiliado um copo/garrafa de água e outros elementos necessários de apoio para evitarmos por exemplo a deslocação até à cozinha.

A nossa secretária ou mesa, deve estar sempre organizada e livre de maneira a termos espaço para trabalhar.

Devemos também tirar o pijama e vestir uma roupa que costumamos levar para a rua, como umas calças de ganga, o que ajuda a não estar num ambiente mais confortável a modo de levarmos à preguiça.

Enquanto trabalhamos, devemos ter sempre a noção do nosso horário, saber quando começamos, quando são as nossas pausas e quando paramos de trabalhar.

Nesse sentido, o mais importante é tentarmos não nos distrairmos com problemas familiares visto que estamos em casa, ou seja, estando em casa é muito mais provável que surjam sempre coisas para fazer a nível familiar e pessoal, mas devemos ter sempre tudo organizado de forma a não misturarmos a vida profissional com a pessoal.

Uma nova realidade

Em resumo, a pandemia global do Covid-19 reforçou uma realidade que para alguns já não era novidade há muito tempo, como é o caso dos freelancers, empreendedores digitais ou mesmo colaboradores de grandes empresas que já adotavam essa medida.

Por outro lado, para uma grande maioria, trouxe uma nova realidade que se mostrou ter vindo para ficar. O trabalho home office despertou-nos para o desenvolvimento da autodisciplina, senso de organização pessoal e busca da auto motivação e persistência, para não desistir mesmo com a adversidade do momento que estamos a viver.

Assim, como foi possível perceber por esse artigo, o home office trouxe inúmeros benefícios como:

  1. Flexibilidade de horário;
  2. Aumento da produtividade;
  3. Maior autonomia;
  4. Reduz o estresse das deslocações diárias para o trabalho;
  5. Aproximação da família (principalmente para quem tem filhos pequenos);
  6. Redução de custos (de transporte e alimentação);
  7. Formalização da atividade home office;

Esses são alguns dos benefícios mais evidentes, mas se você for analisar o seu caso, irá provavelmente encontrar muitos outros. Obviamente, essas são as vantagens para mim e para você, indivíduos que praticam o home office.

Mas para as empresas, o outro lado da moeda, há também diversas vantagens como diminuição dos custos com o trabalhador, redução dos custos operacionais e redução da tava de turnover.

Enfim, o trabalho home office é aquele famosos tipo de atividade onde todos saem ganhando de alguma forma e ficam felizes no final da história. Por isso mesmo, diz-se que veio para ficar e as empresas que ainda não o adotam terão de se readaptar.

Dicas para aumentar a produtividade no teletrabalho

Home Office

Se você chegou a esse ponto na leitura desse artigo, parabéns. No entanto, eu preciso lhe contar que nem tudo são flores no home office. Existem empresas que realizam atividade que exigem a presença dos seus trabalhadores. Consequentemente, a pandemia os fez ficar confinados a receber menores salários ou nem isso.

Mesmo assim, há algumas sugestões para que o teletrabalho de facto funcione e traga a produtividade que mencionei como grande benefício no início desse texto. Vamos às dicas:

  • Procure um sítio sossegado em casa para trabalhar;
  • Mantenha a secretária sempre limpa e organizada;
  • Vista uma roupa adequada para o trabalho;
  • Não misture os problemas familiares com os profissionais;
  • Continue a comunicar com os colegas de trabalho.

Espero que esse artigo tenha esclarecido as suas questões quanto ao home office, essa forma produtiva e dinâmica de se trabalhar. Você tem uma empresa e já implementou o home office? Atualmente se encontra a trabalhar em home office? Comente abaixo a sua experiência e partilhe esse artigo com os seus colegas

Esse artigo foi produzido em parceria com a Inês Rico, a nossa estagiária de marketing.

Comentários